• Mestre Arq.Urb Augusto Fonseca

Arch Hoje: Arch Sustentável- Possíveis Soluções


Fala pessoal, tudo certo com vocês??? Começando a semana com um tema para finalizar o raciocínio das enchentes que pegaram a cidade semana passada.

Um dos principais problemas urbanos de grandes cidades são as enchentes, um problema sério, no caso de São Paulo é bem difícil, já que é resultado de um processo histórico de cidades que cresceram às margens de córregos, rios e encostas.

Depois de anos com o problema, hoje, seria uma utopia falar que o problema seria resolvido rapidamente, apenas com alguns detalhes aqui e ali. Arquitetos e urbanistas tem papel protagonista para apresentar estas soluções.


A Associação Nacional de Funcionários de Transporte das Cidades dos Estados Unidos (NACTO, na sigla em inglês), apresenta um guia muito bacana sobre como as cidades podem projetar seus espaços públicos para que estejam melhores preparadas para e no enfrentamento de tempestades.

Confiram algumas das medidas propostas e vejam o antes e o depois de cada uma delas!!

1- Ruas de Comércio


Na grande maioria das vezes as ruas de comércio estão lotadas de carros e pedestres, fazendo com que a região e seu tráfego seja absolutamente afetado não apenas por isso, mas também pelos caminhões de carga e descargas e coisas do tipo.

Apresentando soluções urbanas como preferência para pedestres, ciclistas e o transporte público, exatamente nesta ordem. Em seguida os caminhões de carga e descarga e, por último, veículos particulares.

Para a NACTO é preciso colocar elementos que permitem isso acontecer, como por exemplo calhas, que facilita o escoamento da chuva e ajuda na retenção de água pluvial. Depois podemos entrar com pisos permeáveis, depois menor espaço aos carros e promover maiores áreas para a vegetação as quais ajudam a capturar e reter a água da chuva.

Último elemento é que os veículos de carga tenham um espaço próprio para a parada. Este espaço pode ser indicado através de sinalizações e do uso de pavimentação diferenciada. Confiram a proposta!


2- Ruas Residenciais


Segundo o guia, existem quatro elementos de projeto urbanístico que podem ajudar. O primeiro corresponde à vegetação que, se plantada em uma superfície capaz de reter água e adjacente à calçada, impedirá que ela se espalhe.

Depois vem a extensão do caminho como encostas, facilitando a plantação de arbustos que contribuem para a captura da água da chuva, além de serem vegetações baixas, ajudando a visualizar os pedestres ao atravessarem.

Quase no finalmente, vagas rápidas para embarque e desembarque de pessoas, sem atrapalhar o fluxo da rua, indicados com pavimentações diferenciadas.

Finalmente, o quarto elemento é o uso do pavimento que torna mais fácil a água escorrer, no guia é o piso amarelo, assim fica mais fácil escoar água para os bueiros, evitando assim um alagamento.


3- Avenidas Principais


A grande maioria das vias principais, são projetadas de forma larga e sem acesso a pedestres e priorizando carros e transportes públicos, deixando o seu redor esquecido, induzindo o motorista se focar apenas na sua frente.

Mesmo com esse quadro problemático a NACTO apresenta uma proposta que possa unir todos nas grandes avenidas, ou seja, carros, transporte público, ciclistas e pedestres, claro, tudo bem projetado para segurança de todos, afinal a cidade é de todos.

A primeira medida seria o plantio de árvores ADEQUADAS para o local, ou seja árvores que não crescem muito, que possam estragar os fios ou que não caiaa com tempestades, raízes ideais para não estourar a pavimentação, assim suas raízes poderiam ajudar na retenção e absorção da água da chuva.

A segunda medida indica que a cada 100 metros exista um local seguro para pedestres atravessarem a rua em segurança, com a medida o vão central de divisão das avenidas seriam alargados para o bem estar do mesmo.

O terceiro elemento é que as paradas de ônibus também podem ser usadas para alocar espaços para a vegetação, as quais ajudarão a absorver a água da chuva (com vegetações ADEQUADAS). Junto com esse elemento, as pistas centrais das avenidas devem possuir infra-estrutura de retenção de água, isso pode ser favorecido se as pistas tiverem uma pequena inclinação para que a água flua melhor.

O último ponto são ciclovias bem projetadas e dimensionadas com pisos também permeáveis, para absorção da aguá e encaminhamento da mesma para os bueiros, confiram a proposta!


Gostaram galera?! É um tema bastante delicado e que tem muito potencial de discussão, respeitem a opinião do coleguinha e façam um debate saudável. Para saberem mais sobre o projeto visitem o site da NACTO clicando aqui!!

Imagens: NACTO.org / Imagem de capa: Folha de São Paulo

Arch Search - Arquitetura Educacional

 

 

 

 

Arch Search é uma empresa completamente educacional e todo conteúdo em nossas plataformas possuem Copyright © 2020 - Arch Search - Arquitetura Educacional - Todos os direitos reservados.

Os seguintes segmentos vistos em nossas plataformas tais como: • archsearchapp.com.br • Arch Search Academy • Canal Arch Search Tv - Broadcasting Architecture • Editora Arch Search • Perfis de nossas redes sociais fazem parte e são marcas registradas Copyright © da Empresa Arch Search Arquitetura Educacional.